Acusado de homicídio é preso numa atuação conjunta entre a Polícia Civil de Pombal e de Coremas.

Data: 30 de outubro de 2019

 

Na tarde desta quarta-feira, 30 de outubro, foi dado cumprimento a um mandado de prisão em desfavor de José Alves da Silva, mais conhecido por “Zé de Marcilon. O mesmo foi condenado a uma pena de mais de 16 anos de prisão, após ter cometido um crime de homicídio no ano de 2007 na Zona Rural de Pombal.

Conforme a denúncia do Ministério Público, ” Zé de Marcilon” matou, no dia 8 de agosto de 2007, por volta das 21h, no sitio Forquilha, a pessoa de João Carneiro da Silva. Segundo consta no processo, o crime foi motivado por desentendimentos entre ambos por conta da separação do réu, já que a vítima teria apoiado a esposa de “Zé de Marcilon” na dissolução do relacionamento.

O acusado planejou o crime e foi à residência da vítima com uma espingarda calibre 12, ficando escondido no mato, esperando o desafeto. Logo que João Carneiro chegou, foi atingido mortalmente por dois disparos.

O mandado de prisão foi expedido pela Câmara Criminal de João Pessoa na data de 23 de outubro desse ano.

Os agentes da Polícia Civil de Pombal, de posse do mandado de prisão, bem como da foto e do endereço do acusado, entraram em contato com os agentes da Polícia Civil de Coremas, já que o acusado estaria morando naquela cidade.

Após um minucioso trabalho de investigação da Polícia Civil das duas delegacias, “Zé de Marcilon” foi localizado e preso pela Polícia Civil de Coremas.

A prisão se deu no final da tarde de hoje, e o preso já se encontra na Cadeia Pública de Coremas, à disposição da Justiça.fonte Polícia Civil



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


  • Pesquisar: