Conheça Jean Francisco, novo secretário de Segurança da Paraíba

Data: 28 de dezembro de 2018

Foto: Reprodução/Blog do Frankneyson

O novo secretário de segurança da Paraíba será o delegado Jean Francisco Bezerra Nunes, substituindo Cláudio Lima, que esteve durante oito anos na Pasta. O anúncio foi feito na manhã desta sexta-feira (28), pelo governador eleito João Azevêdo (PSB), durante nova etapa de divulgação dos nomes que vão compor o governo do sucessor de Ricardo Coutinho (PSB) em 2019.
Quem sobe para a função de secretrário-executivo é o coronel da Polícia Militar, Lamark Vitor Donato. O coronel Euller Chaves segue à frente do Comando da Polícia Militar da Paraíba e Isaías Gualberto deixa de ser o delegado-geral adjunto, para ser o delegado-geral da Polícia Civil.
Outro nome importante para a segurança pública da Paraíba é o secretário de Administração Penitenciária, que permanece sendo Sérgio Fonseca.
PERFIL
Jean Francisco possui graduação em Direito pela Associação Caruaruense de Ensino Superior (2001). Ele é especialista em Ciencias Penais, pela Uniderp, em parceria com o LFG e também atua como professor da Academia de Ensino de Polícia Civil da Paraíba e Tutor/instrutor da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp).
O novo secretátio de Segurança da Paraíba tem experiência na área de Direito, com ênfase em Segurança Pública e Atividade de Inteligência de Segurança Pública, além de ser pós-graduando da Especialização de Gestão Pública da Universidade Estadual da Paraíba em parceria com o Tribunal de Contas do Estado.
Jean Francisco também é pós-graduando da Especialização em Inteligência de Estado e de Segurança Pública, da Fundação Escola Superior do Ministério Público de Minas Gerais e era, até agora, o Secretário Executivo de Segurança Pública e Defesa Social do Estado da Paraíba.

CLÁUDIO LIMA
Cláudio Lima esteve durante todo o governo de Ricardo Coutinho, em oito anos, à frente da Segurança Pública e sofreu críticas constantes por causa da onda de ataques a bancos, homicídios e crimes que deixam a população com medo até mesmo de sair de casa.
Apesar disso, o agora ex-secretário contabiliza números positivos da gestão. Segundo dados do Anuário de Segurança Pública apresentados em 21 de dezembro deste ano, a quantidade de assassinatos na Paraíba caiu de 1.680 em 2011, para 1.190 em 2018, uma redução de 33%.
“Temos hoje o processo mais duradouro do país nesta década, no que se refere aos crimes contra a vida, com uma situação que se iguala às reduções mais prolongadas já registradas no Brasil, como a do Rio de Janeiro, de 2003 a 2009 e de São Paulo de 2002 a 2008. Também temos a maior redução percentual acumulada no Norte e no Nordeste e estamos entre as três maiores do país”, disse Cláudio Lima, no dia 21 deste mês, durante apresentação de dados do anuário.
Entre os vários casos difíceis e de grande repercussão no estado, Cláudio Lima enfrentou o assassinato da estudante Rebeca Cristina, em 2011, ataques a banco que sitiaram áreas importantes de João Pessoa e Campina Grande, explosões de carros-forte e a fuga em massa do Presídio de Segurança Máxima Romeu Abrantes, conhecido como PB1, na Capital.
João Azêvedo disse nesta sexta (28) que a substituição do secretário de Segurança ocorre para que seja iniciado um novo ciclo e agradaceu a Cláudio Lima pelo tempo de convívio no governo Ricardo.
Portal Correio

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


  • Pesquisar: